Drogas Psicoativas

Drogas Psicoativas: Artigo Completo

 

Durante este artigo Drogas Psicoativas, pretendo esclarecer e informar sobre os principais tipos de drogas, seus efeitos e os tratamentos designados para a dependência química.

Existem vários tipos de drogas psicoativas e uma vez que o indivíduo já é refém de seu consumo, ele tem a possibilidade de uma sequência de sequelas na vida e na saúde do dependente.

 

As drogas são substâncias que acabam modificando a qualidade de vida do indivíduo, que muitas vezes já pode estar em um grau avançado de dependência.

Assim, o vício em drogas deve ser tratado em uma clínica de reabilitação para que o indivíduo receba o tratamento correto para a recuperação total.

 

 

O que são drogas psicoativas?

 

 

O que são Drogas Psicoativas?

 

As drogas psicoativas são substâncias químicas que tem o poder de mudar o manejo do SNC (Sistema Nervoso Central), o que acaba por alterar diversas funcionalidades do organismo.

Eles são classificados de acordo com os efeitos que causam no organismo, os chamados depressivos, estimulantes e alucinógenos permanecem. De acordo com o tipo de droga, eles tem o potencial de mudar o humor, a cognição, a percepção e o comportamento.

 

Uma vez que a dependência química já esteja instalada devido ao consumo excessivo de uma determinada substância, a interrupção de seu uso pode produzir efeitos indesejáveis.

Vale lembrar que as drogas psicoativas não representam apenas drogas ilícitas, como a cocaína ou a maconha, mas também drogas lícitas, como o álcool, e que elas tem o potencial de criar uma sequência de problemas de saúde.

 

Como é o consumo de drogas psicoativas?

O consumo de drogas é gerado de diferentes maneiras e por diferentes razões. As drogas podem geralmente representar um alívio e um apoio emocional, no qual o indivíduo depende para escapar de sua própria realidade.

Pessoas de qualquer idade, sexo ou condição social tem a possibilidade de começar a tomar drogas, talvez para experimentar ou simplesmente sob a predominância de amigos. As drogas podem ser consumidas de diferentes maneiras, tais como inaladas, injetadas ou ingeridas.

 

 

 

Consumo de drogas psicoativas

 

 

 

Quais são os 3 grupos de drogas psicoativas?

 

As drogas são classificadas de acordo com os efeitos que elas tem sobre o Sistema Nervoso Central (SNC), independentemente de serem lícitas ou ilícitas. Os 3 grupos são chamados de estimulantes, depressores e alucinógenos.

 

Estimulantes

Como o conceito indica, estas substâncias estimulam ou aceleram as funcionalidades do cérebro, tornando o indivíduo mais ativo. Os estimulantes ou psicodélicos tem a capacidade de acelerar a atividade do Sistema Nervoso Central (SNC).

 

Eles são frequentemente consumidos por pessoas que querem aumentar sua atenção e atingir um estado de euforia, diminuindo o desejo e a sonolência. Inicialmente, elas produzem estes sentimentos de prontidão, porém, após seus efeitos, o indivíduo se sente cansado e indisposto, graças à alta sobrecarga do organismo.

 

Alguns exemplos de drogas estimulantes são: cocaína, crack, anfetamina e merla.

 

Depressores

Os calmantes são drogas que reduzem a atividade cerebral e retardam o corpo. Eles deixam o indivíduo mais lento e desconectado, apresentando uma completa falta de interesse pelas coisas.

Além disso, eles acabam deixando o indivíduo com um baixo grau de concentração e atenção. Este grupo inclui várias drogas amplamente consumidas pela população, tais como álcool, benzodiazepinicas, inalantes, ópio, morfina e heroína.

 

Alucinógenos

Esta classe de drogas, também conhecidas como drogas perturbadoras, modificam o manejo regular do cérebro e causam distorções na percepção, alucinações, ilusões, em outras palavras, alteram as funcionalidades sensoriais.

No início, o indivíduo pode sentir uma agradável sensação de conforto, pois a fadiga diminui, porém, com o tempo, são criadas alterações no espaço e no tempo.

 

Eles são um tipo de droga bastante procurado pelos jovens, principalmente nas festas.

Uma vez que os efeitos se desgastam, o indivíduo torna-se mais vulnerável à paranóia e à depressão, exemplificando. Alguns exemplos são: maconha, LSD, ecstasy e haxixe.

 

 

 

 

 

Como é gerada a dependência de drogas psicoativas?

 

A interação que uma pessoa pode ter com drogas é dependente do ambiente em que está inserida, o que pode não expor vários perigos à saúde, mas também pode ser algo sério.

Antes de discutir a dependência química, é essencial explicar aqui o que acontece antes do processo de dependência. Em primeira instância, o indivíduo pode consumir a droga sob a predominância de seus amigos ou mesmo “experimentar”, entretanto, isto ainda não representa um perigo.

 

Este consumo pode levar ao abuso de substâncias, que é uma vez que o indivíduo começa a gerar um hábito de consumo, o que aumenta os perigos das sequelas de saúde.

Este caso de abuso de drogas pode evoluir para a dependência, que é uma vez que o indivíduo se torna refém dos efeitos das substâncias e não pode deixar de consumi-las.

 

O que acontece é que as drogas ativam o sistema de recompensa do cérebro, e o indivíduo não pode deixar de usá-las.

A dependência química é uma patologia crônica que é criada gradualmente e produz sequelas diferentes na vida e saúde do indivíduo, e pode ser fatal se não for tratada a tempo.

 

Na dependência química, com o consumo desordenado de certos tipos de substâncias, o indivíduo acaba desenvolvendo tolerância, que é uma vez que o indivíduo come porções cada vez maiores para sentir os mesmos efeitos que antes.

Para dar uma iniciativa, se o indivíduo deixa de tomar a droga, ele começa a expor sinais desagradáveis que só cessam com o uso de mais.

 

Esta patologia acaba modificando toda a qualidade de vida, já que o indivíduo vive em funcionalidade da droga, para ir em busca de mais para saciar sua obsessão e compulsão por mais.

Vale lembrar que cada organismo é diferente e as consequências para a saúde física e mental podem ser diferentes. Assim, o tempo do uso, frequência e tipos de drogas também influenciam o processo de dependência.

 

 

 

Efeitos das Drogas Psicoativas no corpo

 

 

 

Quais são os efeitos das drogas psicoativas no corpo?

 

A população procura drogas por seus efeitos agradáveis como paz, relaxamento ou euforia, por exemplo, mas estes efeitos são momentâneos e o que se segue são consequências desagradáveis para o organismo.

Seus efeitos dependem do tipo de droga, do tempo de consumo, da porção e da frequência, e como a dependência química é uma patologia complexa, seus efeitos sobre o organismo são diferentes.

 

Os males para a saúde de uma pessoa tem o potencial de variar de leves a graves, já que a dependência deixa o indivíduo mais vulnerável a patologias físicas e mentais, que tem o potencial de serem irreversíveis ou não.

Alguns dos efeitos sobre o corpo são: patologias cardiovasculares, respiratórias e pulmonares, distúrbios comportamentais, depressão, ansiedade, esquizofrenia, entre outros.

Aqui estão alguns outros efeitos!

 

Humor

Como foi dito no início deste artigo, as drogas psicoativas alteram as funcionalidades do cérebro e, consequentemente, acabam prejudicando o humor do indivíduo. Desta forma, pode ocorrer uma mudança repentina e recorrente de humor, na qual em um momento o indivíduo pode ficar calmo e em outro, sem razão aparente, pode se tornar agitado.

 

Isto ocorre precisamente devido aos efeitos das drogas, que também tem a possibilidade de ter a ver com a interrupção do uso de drogas, ou seja, o indivíduo pode ser abstinente. Desta forma, o indivíduo pode começar a se isolar a fim de começar a usar novamente.

 

Cognição

As deficiências cognitivas podem aparecer a curto ou longo prazo, e entre as funcionalidades prejudicadas estão a memória e a atenção. O uso de drogas eventualmente deteriora esta região do cérebro, o que prejudica seu desempenho.

Além disso, este componente pode causar uma diminuição na concentração e na aprendizagem. Tais deficiências podem durar anos ou ser irreversíveis, dependendo do caso.

 

Percepção

Várias drogas possuem o poder de perturbar a percepção da verdade, exemplificada por causar alucinações ou delírios ao indivíduo. Desde drogas lícitas, como o álcool, até drogas ilícitas, elas tem a capacidade de mudar a percepção de uma pessoa.

Estas alterações na percepção tem o potencial de fazer com que o indivíduo seja submetido a situações perigosas ou se comporte de forma estranha.

 

Comportamento

O comportamento de uma pessoa que usa drogas é quase completamente alterado à medida que seus hábitos mudam. O indivíduo começa a se isolar e desistir de seu interesse em viver, a fim de saciar seu desejo imparável por drogas.

Além disso, o indivíduo pode começar a mentir e ter perdas financeiras. Seu comportamento no momento não é o mesmo de antes e com o tempo pode influenciar ainda mais o indivíduo, fazendo-o perder a cabeça.

 

 

 

 

 

A importância de uma clínica de reabilitação no tratamento das drogas psicoativas

 

Uma clínica de reabilitação é um espaço incrível para um viciado em drogas se recuperar e começar uma vida totalmente nova longe do álcool ou do uso de drogas.

Estamos falando de um ambiente que fornece todos os recursos necessários para que a pessoa viciada construa uma vida totalmente nova com hábitos mais saudáveis.

 

A Clínica Recuperando Vida tem uma abordagem biopsicossocial que ajuda em cada uma das áreas da vida do indivíduo, pois entendemos que a dependência química não escolhe apenas uma área.

Oferecemos um tratamento integral, de acordo com as necessidades de cada paciente. Além disso, temos uma equipe de especialistas em saúde continuamente treinados para melhor atender aos pacientes.

Uma clínica de reabilitação é o melhor lugar para experimentar a dependência química, pois estamos falando de uma patologia séria que requer toda a ajuda e cuidado que esta área proporciona.

 

 

 

Tipos de drogas psicoativas

 

 

Quais são os tipos de tratamentos utilizados para a dependência química de drogas psicoativas?

 

Existem vários tipos de tratamentos que ajudam no processo de recuperação da dependência química. Os tratamentos são prescritos por especialistas em saúde, de acordo com as necessidades do paciente, uma vez que cada caso tem suas próprias especificidades.

Os tratamentos integram desintoxicação, medicação, psicoterapia pessoal ou grupal, equipes de apoio e ocupações eólicas independentes, exemplificando.

 

A desintoxicação

A desintoxicação é baseada em uma espécie de limpeza de substâncias tóxicas do corpo do viciado. Ela pertence aos primeiros procedimentos do tratamento na reabilitação de dependentes químicos.

O objetivo principal deste tratamento é minimizar ou remover substâncias psicoativas do corpo para que o indivíduo não sinta mais a necessidade de usar drogas.

 

Paciente internado

Este é um termo que faz com que muitas pessoas renunciem ao tratamento de dependência química, no entanto, menciono por experiência que esta é a melhor escolha, uma vez que não há outra saída e o indivíduo está realmente preso às drogas.

 

Uma vez que o indivíduo representa um perigo para si mesmo e para aqueles ao seu redor, uma vez que sua história é totalmente prejudicada pelo uso de drogas, este é o melhor momento para a internação.

É durante a internação que o viciado será reabilitado e receberá os cuidados necessários para que sua história possa ser restaurada e ele possa construir um novo caminho.

 

Psicoterapias

A psicoterapia é uma parte substancial do processo porque ajuda o paciente a reavaliar seus antigos hábitos para que ele possa desenvolver e construir novas modalidades em sua história sem a necessidade de ser refém do consumo de drogas.

 

O motivo principal é a modificação dos velhos padrões de vida, substituindo-os por novos, e a resolução de conflitos emocionais que podem dificultar o processo.

 

Portanto, não é apenas cuidando da parte física que o paciente se recuperará, mas também cuidando da mente, já que a saúde deve ser cuidada de forma integral.

 

Medicamentos

Os medicamentos tem a possibilidade de serem utilizados como tratamentos processuais, caso a caso. Vale lembrar que os medicamentos tem a possibilidade de ter efeitos colaterais e também vários benefícios, porém eles só precisam ser prescritos por médicos.

Eles também ajudam no processo de abstinência de medicamentos, para que o paciente possa se distanciar cada vez mais do consumo excessivo dessas substâncias.

 

 

 

 

 

Afinal, como se define a melhor abordagem de tratamento?

 

Sabe-se que a dependência química é uma patologia que prejudica todas as áreas da vida de uma pessoa, e é por isso que ela deve ser tratada de forma abrangente.

Portanto, o melhor tratamento para quem sofre de dependência química deve envolver uma abordagem biopsicossocial, pois é a mais eficaz. Estima-se todo o ambiente no qual o indivíduo está inserido, como por exemplo, biológico, psicológico e social.

Desta forma, é viável para o paciente estabelecer e desenvolver novos hábitos que o apóiem para continuar limpo.

 

 

Qual é o período de tratamento para a dependência de drogas psicoativas?

 

Não há um prazo pré-determinado para cada uma das clínicas de reabilitação, pois depende de uma sequência de componentes, como o local escolhido para a internação e o próprio paciente.

 

A Clínica Recuperando Vida oferece tratamentos baseados nos procedimentos mais modernos do tratamento de dependência química.

 

Por esta razão, nosso tratamento tem um prazo de 6 meses, devido ao fato de entendermos que é um tempo indispensável e primordial para que o processo de recuperação seja completo.

 

 

 

Clinica de tratamento para usuários de drogas

 

 

Como descobrir uma clínica de tratamento para usuários de drogas psicoativas?

 

O primeiro e mais relevante é que, antes de visitar uma clínica de reabilitação de drogas, você deve procurar informações sobre este assunto, descobrir e entender como este processo acontece.

Nossa equipe está pronta para ajudá-lo melhor, em caso de dúvida, ligue ou visite o local. Este é um passo fundamental e, consequentemente, você deve certificar-se de que é um espaço seguro que proporcione um tratamento adequado.

 

 

Conclusão

 

Existem vários tipos de substâncias psicoativas, e muitas pessoas uma vez que caem em sua armadilha de uso para se transformarem em reféns de seus efeitos e uma vez que veem que por enquanto não tem possibilidade de sair.

O tratamento para a dependência de drogas psicoativas é um processo difícil, porém bastante eficaz, pois seu objetivo é fazer com que o indivíduo dependente se livre do consumo exacerbado e adquira hábitos de vida saudáveis que não o afetem por enquanto.

 

As drogas acabam afetando toda a vida do indivíduo e seus efeitos posteriores são passíveis de aparecer a curto ou longo prazo. Desta forma, o apoio de uma equipe de especialistas em uma clínica de reabilitação garante toda a ajuda que o paciente necessita para se recuperar.

 

Com estas informações apresentadas aqui, espero que elas contribuam para outras pessoas ou mesmo para você, se você estiver passando por isso. Você quer mais informações sobre nossa clínica? Entre em contato.

E se você curtiu este artigo, compartilhe com pessoas que possam ter interesse sobre o asunto e em suas redes sociais, para atingir e ajudar mais pessoas que precisem de ajuda neste momento.

 

 

 

Duvidas Frequentes

 

Quais são os 3 tipos de drogas psicoativas?

O primeiro conjunto são os depressores, que reduzem a atividade cerebral: o indivíduo se torna “lento”. No segundo conjunto permanecem os estimulantes, que fazem com que o indivíduo “ligue”. O terceiro conjunto são os alucinógenos, que alteram o desempenho do cérebro.

 

O que é uma droga psicoativa?

As chamadas substâncias psicoativas ou drogas psicotrópicas são aquelas que funcionam no cérebro, modificando seu desempenho, e tem o potencial de causar alterações no corpo, na percepção, no comportamento e nos estados de consciência.

 

 

 

Como parar o uso e consumo de drogas

 

 

Quais são as drogas psicotrópicas mais procuradas?

Maconha/haxixe/skank. Consumida por 11,7 milhões de brasileiros pelo menos uma vez em sua história, a maconha (e suas variantes) é a droga ilícita mais consumida aqui.

 

  • A cocaína

 

  • Crack e drogas similares

 

  • Solventes

 

  • LSD

 

  • Ecstasy/MDMA

 

  • Drogas injetáveis

 

  • Cetamina

 

 

 

Como identificar um usuário de drogas psicoativas

 

 

Quais são os 3 tipos de drogas?

Drogas naturais: como a maconha, que é recebida da planta cannabis sativa, e o ópio, que se origina das flores de papoula;

 

Drogas sintéticas: que são geradas artificialmente em laboratórios, tais como o ecstasy e o LSD;

 

Drogas semi-sintéticas: como a heroína, a cocaína e o crack.

 

Qual é a diferença entre drogas depressivas, estimulantes e alucinógenos?

Os depressores causam uma diminuição na atividade do sistema nervoso central, os estimulantes aumentam a atividade do sistema nervoso central e os alucinógenos modificam o desempenho do sistema nervoso central.

 

 

A Equipe de Conteúdo da Clínica Recuperando Vida Recomenda a Leitura dos Artigos:

 

 

Purple Drank

 

 

 

Transtorno Depressivo Persistente

 

 

 

Vício em Remédios

 

 

 

Como Funciona Mente de um Dependente Químico?

 

 

 

 

como-ajudar-tratamento-para-usuarios-de-crack

 

 

 

CLÍNICA RECUPERANDO VIDA

R. Inácio de Vasconcellos Cunha Caldeira, 500

Jardim São Francisco – Piracicaba – SP

 

Fone:  (19) 3427-1643
Whatsapp: (19) 99188-2675

 

E-mail: contato@clinicarecuperandovida.com.br

 

WEBSITE OFFICIAL:

Tags desta página:
Drogas psicoativas, O que são drogas psicoativas, Usuários de drogas psicoativas, Uso de drogas, Tratamento de drogas psicoativas, Clinica de tratamento de drogas, Clínica de reabilitação de Drogas psicoativas
0 +
Visitas Mensais em nossa Clínica
0 +
Famílias Atendidas Mensais
0 +
Pacientes em Tratamento Por Ano
0 +
Abrangências em Estados brasileiros
Remoções 24 horas

Remoções 24 horas

O vício é imprevisível e começa a controlar a pessoa sem que ela perceba, ou seja, consequentemente algumas atitudes são tomadas sem que o dependente tenha conhecimento dos malefícios que estão causando e a solução mais plausível é iniciar o tratamento em um clínica de reabilitação.

Nossa equipe está em prontidão para remoção 24h por dia em qualquer região do Brasil através de ambulâncias equipadas, ou se a família preferir possuímos também carros descaracterizados para ações mais privativas e discretas.

Aceitamos Todos os Planos de Saúde

Fale com um de nossos consultores de plantão atendimento 24 horas via Whatsapp